10 dicas para aumentar a economia de água dentro de casa

03 abril 2019

Atitudes coletivas são fundamentais para a economia de água em condomínios, mas a mudança de hábitos individuais também faz toda a diferença na soma final de líquido desperdiçado diariamente. De um simples vazamento de uma torneira até banhos longos, centenas de litros podem estar sendo consumidos à toa dentro da sua própria casa.

Por isso, é importante que todos os membros da família se envolvam no projeto de cortar os gastos desnecessários, evitando, assim, jogar dinheiro fora na conta mensal de água e também dando uma força para o meio ambiente, preservando os recursos naturais.

A MRV, por exemplo, encontra-se extremamente engajada em metas de sustentabilidade. Certificada em 2017 com o selo de ISE (Índice de Sustentabilidade Empresarial), já conseguimos economizar mais de 1 milhão de litros de água em nossos condomínios implementando simples ações, como as descargas ecológicas que instalamos em nossos empreendimentos. Tudo isso porque temos como meta a redução de 2% do consumo por unidade habitacional.

Assim, veja algumas estratégias que os moradores podem adotar individualmente, e comece agora mesmo na sua casa a economia de água.

1. Elimine os resíduos na louça

Antes de enxaguar panelas, pratos, copos e talheres sujos, limpe sempre os restos de comida que estejam grudados neles com papel-toalha, antes de passar a esponja com sabão. Molhe os itens rapidamente, ensaboe tudo e, só então, abra propriamente a torneira para remover a sujeira e a espuma. Aproveite para instalar nas pias de casa arejadores e redutores de vazão nas torneiras, a exemplo do que fazemos nas áreas comuns de nossos empreendimentos.

2. Cuidados ao descartar o óleo

Jamais descarte o óleo de cozinha na pia ou no vaso sanitário. Apenas um litro de óleo é suficiente para contaminar até 400 mil litros de água, causando um prejuízo imenso para a natureza. Alguns empreendimentos da MRV, por exemplo, já contam com compartimentos específicos de descarte nas unidades, facilitando a rotina dos moradores e colaborando para a preservação do meio-ambiente. Nas cidades grandes, a maioria dos supermercados de rede possuem pontos de recolhimento de óleo, junto com postos de materiais recicláveis.

3. Balde o seu aliado da limpeza

A água que sobra do banho pode ser recolhida se um balde for mantido dentro do box. Com este resíduo é possível, por exemplo, lavar o banheiro posteriormente, usar como descarga, ou mesmo regar as plantas, depois de deixar que a água atinja a temperatura adequada.

4. Economia de água com a máquina de lavar

Dispositivos para lavar a louça e a roupa só devem ser acionados quando estiverem com sua total capacidade completa. Uma sugestão é, depois do segundo enxágue das máquinas, usar a água para lavar área de serviço, quintal ou para regar as plantas. Quando precisar lavar roupas sem que tenha a quantidade necessária de roupa lembre-se de ajustar as configurações da máquina para reduzir a quantidade de água a ser utilizada.

5. Mangueira

A vassoura é a melhor amiga da faxina e da economia de água, e não a mangueira. Por isso, na hora de limpar o quintal ou a área de serviço opte pela piaçava e economize até 280 litros de água, que é o que a mangueira gasta quando ligada por 15 minutos. Mas caso precise utilizar a mangueira para limpar alguma sujeira indesejada, molhe o local e feche-a em seguida.

6. Plantas e jardins

Cactos e suculentas são excelentes opções de plantas quando o assunto é economia de água. Isso porque elas precisam de menor quantidade do líquido. Opte também por regar seu jardim à noite, evitando, assim, perda de volume por evaporação.

7. Vaso sanitário

A privada não é um cesto de lixo. Portanto, papel higiênico usado, absorventes, bitucas de cigarro e outros dejetos devem ser descartados no local adequado. Assim, além de manter a higiene, evita-se também o acionamento desnecessário da válvula de descarga. Nas unidades construídas pela MRV, as bacias sanitárias contam com dispositivos economizadores – com o sistema de duplo acionamento, é possível controlar a quantidade de água usada em cada descarga.

8. Reduza o descarte desnecessário pela pia

Ao escovar os dentes, fazer a barba ou ensaboar as mãos, mantenha a torneira fechada. Deste modo, cada usuário economiza até 10 litros de água. Nos apartamentos da construtora MRV, as torneiras contam com arejadores e redutores de vazão, que proporcionam ainda mais economia.

9. Atenção na hora do banho

Feche a torneira sempre que for se ensaboar. Fora isso, a diferença entre uma ducha rápida e um banho longo significa, em média, até 150 litros de água. Imagine o que acontece se todos os moradores da sua casa diminuírem o tempo debaixo do chuveiro para ajudarem no esforço de economia de água.

10. Vazamentos e infiltrações

Vasos sanitários com problemas, por exemplo, podem desperdiçar até 200 mil litros de água em um ano. Uma gota que pinga a cada segundo de uma torneira permite a vazão de 30 litros de água por dia. Por isso, certifique-se periodicamente de que não há vazamentos na sua casa e, sempre que necessário, solicite reparos nos equipamentos.

Gostou de saber um pouco mais sobre o assunto? Então veja outras dicas como essas e mais conteúdos interessantes curtindo a nossa página no Facebook!

Deixe seu comentário *Campos de preenchimento obrigatório