5 dicas para utilizar luminárias pendentes na decoração

22 janeiro 2020

1 comentários
Luminárias pendentes instaladas em cima da mesa de jantar para criar um clima mais aconchegante

As luminárias pendentes são itens de decoração que são instaladas no teto. Trata-se de um tipo de luminária ideal para quando se deseja realçar algum móvel ou ponto específico da casa, já que é chamativo e direciona a luz para locais específicos.

Esse direcionamento de luz deixa o ambiente aconchegante, uma vez que a luminosidade fica mais fraca e pode se esconder, dependendo do modelo do material da cúpula.

Vale destacar que geralmente os fios que conseguem suspender as luminárias são reguláveis, porém não devem ser colocadas com menos de 20 cm de extensão — a não ser que você deseje quebrar o efeito provocado pelas pendentes. Então, continue a leitura e veja algumas dicas para utilizar luminárias pendentes na decoração!

1. Sala de estar ou jantar

Nas salas de espera, as luminárias pendentes têm uma função decorativa. Por se tratar de um local mais agradável e descontraído, é indicado optar por modelos criativos e coloridos ou mais rústicos.

O necessário é saber em qual ponto o pendente precisa ser instalado para que possa destacar o elemento desejado. Por esse motivo, é fundamental contar com um projeto, para que o eletricista consiga fazer a ligação de maneira exata e, assim, deixar o lugar bem iluminado e bonito.

Sem contar que é possível usar mais de uma luminária com modelos e cores diferentes, utilizando um design informal e moderno. As pendentes com estrutura arrendondada em aço são ótimas opções para a decoração nesse caso, pois são mais fortes e têm grande variação de cor.

A altura do pendente é um aspecto muito importante, mas as pessoas costumam errar. Quando falamos em mesas de jantar, o recomentado é que esteja a uma certa distância, sendo que essa distância será de acordo com o modelo selecionado por você.

Uma boa dica é acompanhar a instalação, regulando o fio para cima ou para baixo e tentando enxergar o pendente à altura dos olhos. Dessa forma, você deixará o ambiente mais romântico e aconchegante, pois ficará com uma excelente iluminação e um local agradável para encontrar os amigos e familiares nos momentos das refeições.

2. No quarto

Para o quarto, a sugestão é seguir sua personalidade: se a intenção for deixar o local mais rústico, a luminária com pendente é o acessório ideal. Para proporcionar um clima intimista, aposte em peças menores, como o cone.

Além direcionar o foco de luz, o item sugere um ambiente mais confortável em relação à quantidade de luz e pode ser usado como objeto de destaque na decoração (dependendo do espaço onde for inserido). As peças coloridas também são uma ótima opção.

3. No canto de estudos

As luminárias de mesa não são muito utilizadas nesse ambiente — os modelos pendentes são alternativas que proporcionam um charme a mais ao local. Aqueles com cúpulas bem direcionadas podem ser colocados em cima das mesinhas, de forma a ajudarem na leitura e facilitarem a rotina de estudo de toda a sua família.

Contudo, a luminária pendente também é capaz de ajudar na iluminação sem necessariamente estar em cima da mesa de leitura. Com modelos que apresentam uma iluminação difusa, é possível conferir conforto ao ambiente.

Desse modo, elas são uma ótima saída para quem deseja estudar em um local agradável e com boa iluminação. Recomenda-se apenas buscar opções que favoreçam a decoração de sua casa e satisfaçam seus desejos.

4. Na cozinha

Caso você pretenda renovar a iluminação da sua cozinha e esteja pensando em deixar um ambiente mais moderno, incluir uma luminária pendente pode fazer muita diferença no local.

Nesse contexto, vale ressaltar que no mercado brasileiro é possível encontrar distintos tipos de pendentes e lustres para cozinha. Então, em meio a tantas possibilidades, muitas pessoas se perguntam sobre quais são os melhores modelos de luminárias pendentes para comprar. As dicas a seguir podem ajudar você:

  • analise a dimensão da sua cozinha e estabeleça o local em que serão instalados os pendentes;
  • saiba a quantidade de pendentes necessária para o local;
  • pesquise sobre os diversos modelos de pendentes e selecione aquele que mais se adapta à decoração da cozinha;
  • analise a altura na qual os pendentes precisam ficar.

5. Na varanda gourmet

Em qualquer lugar ou situação, o tamanho do pendente é muito importante, portanto essa questão precisa ser analisada com calma. Para uma varanda gourmet, por exemplo, recomenda-se um pendente de tamanho pequeno, porém em diversas quantidades, construindo uma linha horizontal. Pendentes muito grandes causariam incômodo, já que há o risco de alguém bater a cabeça.

Desse modo, para conseguir dar destaque a pequenos ambientes ou objetos, você vai precisar de um pendente de luz focada. Tal tipo de luz é gerado quando a cúpula do pendente é totalmente fechada e elaborada com um material que não permite a passagem de luminosidade, como o metal. Então, toda a luz refletida pela lâmpada é direcionada para baixo.

É importante destacar que esse modelo de iluminação é muito decorativo e ocasiona um efeito dramático quando colocado ao lado do sofá ou em cima de uma mesa de jantar. Além do mais, é preciso ficar atento em relação ao tamanho do pendente, pois, quando é desproporcional aos outros móveis do cômodo, acaba interferido na decoração da casa.

Por fim, saiba que os pendentes podem ser usados de maneira alegre e descontraída. Ouse e sair do convencional e rotineiro. 

Como vimos, as luminárias pendentes são acessórios capazes de fazer toda a diferença. Isso ocorre tanto por serem muito eficientes na questão da iluminação quanto por permitirem que a decoração de sua casa seja personalizada.

Desse modo, busque investir em luminárias pendentes de qualidade, que contribuam para a decoração da casa. Lembre-se de que o acessório é ideal para ressaltar a beleza dos cômodos e deixá-los com a sua personalidade. Uma boa iluminação ajuda na decoração da casa, pois proporciona um ambiente legal para ficar e conversar com os amigos e parentes. Assim sendo, essas dicas podem você ajudar muito você.

Gostou do post? Então, aproveite e assine nossa newsletter para receber os próximos conteúdos diretamente no seu e-mail! 

Imagem galeria
Imagem galeria
Imagem galeria
Imagem galeria
Imagem galeria

Comentários

Magaly
Magaly disse: 15 fevereiro 2020
Ótimas dicas, porém tenho dificuldade de escolha e de colocá-las no ambiente.

Deixe seu comentário *Campos de preenchimento obrigatório