Decoração clássica: entenda o que é e como adotá-la em casa

10 maio 2019

Você acha que chegou a hora de atualizar o visual da casa? Uma boa maneira de começar esse trabalho é buscar referências de temas e conceitos que possam ser aplicados a diversos ambientes. Entre tantos estilos possíveis, a decoração clássica é uma das favoritas por ser bastante tradicional e remeter a uma época em que a arquitetura era sinônimo de luxo e sofisticação.

Que tal aprender mais sobre o estilo e descobrir como trabalhar com suas cores, materiais e demais elementos? Acompanhe o nosso post repleto de dicas e curiosidades para ajudar você a transformar os cômodos de uma vez por todas!

O que caracteriza a decoração clássica?

Esse estilo surgiu na Antiguidade e aparece em diversos monumentos memoráveis — templos gregos e romanos, palácios e outras construções da nobreza europeia. Na arquitetura clássica, o requinte era muito valorizado, tanto que era comum o cuidado com os mínimos detalhes.

Veja algumas características facilmente encontradas em obras com esse tema:

  • grandes colunas: elementos verticais exuberantes deixavam os edifícios mais imponentes;
  • aberturas curvas: portas e janelas tinham formato arredondado no topo;
  •  grandeza: pé-direito alto e espaços amplos permitiam a criação de grandes salões luxuosos;
  • materiais nobres: mármore, pedras preciosas, madeira maciça e outros recursos eram comumente encontrados no interior de prédios clássicos;
  • tons sóbrios: a paleta de cores não variava muito, especialmente nas principais superfícies;
  • excesso de ornamentos: tecidos, estofados, acessórios e peças valiosas preenchiam boa parte dos ambientes.
Em resumo, o estilo clássico é bastante chique e rico em detalhes. Embora muitas vezes pareça exagerado, é possível equilibrar cada elemento para manter um aspecto refinado e ousar na decoração. Não é à toa que até hoje o tema inspira pessoas que desejam um toque a mais de elegância dentro da própria casa.

Em quais ambientes devo aplicá-la?

Não há regra para aplicar a decoração clássica em ambientes residenciais. Ou seja, se você gosta e se identifica com o estilo, pode investir sem medo! Apenas tenha em mente que se trata de um visual bastante chamativo e diferenciado, portanto, é preciso ter certeza de que fez a escolha certa.

Para quem ainda tem receio, uma boa dica é incluir o estilo em apenas um cômodo. Se for um apartamento pequeno, por exemplo, pode ser interessante eleger o maior ambiente da unidade. Assim, fica mais fácil trabalhar características como grandeza/imponência e chegar a uma imagem mais próxima do tema.

Outra possibilidade é incluir o estilo em um espaço sem graça ou em um local que pede uma atmosfera mais romântica. Quartos de casal, por exemplo, ficam incríveis com elementos clássicos e podem ser complementados com estampas de arabescos ou em padrão floral.

Como compor uma decoração clássica?

É fácil agregar beleza, sofisticação e conforto em um ou mais cômodos da casa. Pensando nisso, listamos algumas soluções que você pode adotar na hora de compor ambientes inspirados no tema clássico. Anote o passo a passo e mãos à obra!

Trabalhe com cores claras

Branco, creme e bege compõem boa parte da cartela de cores da decoração clássica. Utilize essas tonalidades suaves nas grandes áreas (pisos, forros, paredes) para obter um visual delicado e atemporal. Para quebrar a monotonia e trazer aconchego, aposte na iluminação amarelada.

Cores mais chamativas, como azul, verde e vermelho, são ótimas para criar contrastes e devem ficar limitadas aos detalhes — um conjunto de jarros, uma planta, uma travessa estampada etc.

Invista em bons revestimentos

Os revestimentos também devem trazer cores sóbrias para evitar a poluição visual. Vale apostar em pisos de madeira, tampos de móveis feitos de mármore ou granito, azulejos com estampa floral e até papel de parede listrado (em tons de cinza e branco, por exemplo).

Outra possibilidade é procurar cerâmicas e porcelanato que simulam a aparência de materiais nobres — ótima opção para quem procura melhor custo-benefício. Como complemento, a fim de agregar brilho, invista em superfícies espelhadas ou com acabamento em tons de prata, rosé e dourado.

Priorize móveis grandes e antigos

A mobília era protagonista em muitos edifícios antigos com decoração clássica. Por isso, uma boa maneira de mergulhar no tema é buscar móveis que tenham um design mais rebuscado. Se você tem uma mesa antiga ou um armário herdado da família, pode ser a oportunidade certa para valorizar essas peças.

Priorize modelos grandes, volumosos, com partes estofadas e cantos arredondados. Os de madeira são os preferidos nesse estilo, principalmente quando apresentam detalhes entalhados, componentes curvos e puxadores ornamentados. Quanto mais informação aplicada à mobília, melhor.

Adicione diferentes tecidos

As texturas não podem faltar para agregar conforto e, claro, elegância. A melhor maneira de incluí-las nos ambientes é apostar em peças feitas com diferentes fibras. Abuse de tapetes amplos e felpudos, de cortinas pesadas com bandôs, de toalhas bordadas e de mantas de plush sobre as camas.

Os tecidos ajudam a preencher os espaços e complementam a maciez encontrada nos estofados. Veludo é uma boa pedida e pode surgir tanto como revestimento de cabeceiras (com ponto capitonê) quanto em capas de almofadas, de futons e de outras peças.

Capriche nos acessórios

Para arrematar a composição e deixar o lar chique, não hesite em adicionar vários acessórios. Você pode aproveitar peças antigas que tem em casa ou garimpar itens de outras épocas em antiquários, brechós e lojas especializadas.

Há uma série de artigos interessantes: lustres, arandelas, castiçais, esculturas, espelhos arredondados, quadros com molduras trabalhadas, vasos de flores. Muitas dessas peças ficam atrativas com uma aparência desgastada, como se tivessem resistido à passagem do tempo.

Também capriche em itens com acabamento em tons de cobre, dourado e prata. É fácil encontrar esses materiais em componentes que fazem parte do sistema de iluminação, incluindo desde luminárias até dutos e cabos.

Pronto! Você tem todas as informações necessárias para aplicar a decoração clássica em qualquer ambiente da casa. Esse estilo tem potencial para valorizar o interior do imóvel e é perfeito para agregar personalidade com muita sofisticação.

Agora, que tal conferir nossos 5 truques de decoração para transformar a sua casa? Muitos podem ser adaptados e aproveitados para compor o estilo clássico.

Deixe seu comentário *Campos de preenchimento obrigatório