Ganhe espaço com mobiliários 2 em 1

11 fevereiro 2017

A tendência imobiliária atual é de apartamentos cada vez menores. Assim, é preciso que o morador saiba como otimizar os espaços dentro de cada ambiente para que não haja uma sobrecarga e uma impressão de desorganização. Para isso, o uso da marcenaria multifuncional é uma excelente pedida para a decoração de espaços mais compactos, sem deixar o charme, a beleza e a organização de lado.

Móveis que cumprem mais de uma função vêm ganhando adeptos na decoração por sua praticidade e economia. De acordo com a arquiteta e designer Simone Rocha, em ambientes reduzidos é desejável que um mesmo móvel proporcione um bom aproveitamento de espaços.

O mesmo móvel para mil e uma utilidades

Simone destaca que é possível agregar diversas funções em um mesmo mobiliário (criado-mudo, prateleira e bancada de estudos), sem ocupar muito espaço dentro do ambiente e, além disso, executar de uma forma que garanta um aproveitamento futuro dos móveis em outro espaço, quando necessário.

Para a designer de interiores Laura Santos, este tipo de marcenaria dois em um facilita para o cliente, pois ele economiza em espaço, diminuindo a ocupação dentro do ambiente, além de ser um mobiliário mais fácil de ser executado. Em um projeto para o quarto de um jovem, a profissional criou uma bancada que se estende até se tornar um criado. “Normalmente, quarto de jovem tende a ser bagunçado, com muitos elementos visuais. Com esse móvel você consegue essa organização da unidade visual”, explica.

Marcenaria a favor da economia de espaço nos apês

Laura também cita outras formas de usar a marcenaria dois em um: “Um bom exemplo são as camas tipo beliche, mas que embaixo possuem uma bancada. Ou o armário, que pode ser feito junto a uma bancada ou o painel para televisão, com uma prateleira para guardar livros e outros objetos”, sugere.

E Simone Rocha acrescenta outros exemplos: “Um criado-mudo pode ser utilizado como penteadeira, assim como sofá-cama que recebe hóspedes. Outro bom exemplo, é bancada de desenho para crianças menores, que com uma simples regulagem de altura, se adequa à medida que a criança cresce e entra na fase de estudos! Em vez do uso da típica cômoda em quarto de bebê como trocador, uma bancada chumbada na parede também pode ser mais versátil, pois se transforma em local de estudo futuramente”, encerra.

Resumindo...

Em apartamentos menores, é importante saber otimizar os espaços e a marcenaria multifuncional facilita na hora de compor os ambientes sem sobrecarregá-los. Ao invés de usar vários pequenos móveis para compor o quarto, podemos optar por um único móvel que cumpre o papel de tantos outros, proporcionando mais organização.

Para mais dicas, continue acompanhando nosso blog. Quer ver mais fotos de nossos Decorados, clique aqui.

“Texto adaptado - Mão Dupla Comunicação”.
Imagem galeria
Imagem galeria
Imagem galeria
Imagem galeria

Deixe seu comentário *Campos de preenchimento obrigatório