Piso frio ou piso quente: quando cada um deles é mais indicado?

01 julho 2021

3 comentários
Piso no acabamento da casa

Escolher entre piso frio e piso quente pode ser um desafio. Afinal de contas, as duas opções têm vantagens e desvantagens que precisam ser avaliadas cuidadosamente para garantir o conforto de sua família.

Em uma situação como essa, o segredo é conhecer sobre todas as possibilidades, com foco também na qualidade do material. Assim, fica muito mais simples tornar o ambiente aconchegante e garantir o melhor custo-benefício.

A seguir, vamos mostrar as principais diferenças entre piso frio e piso quente, além de quando usá-los. Acompanhe!

Conheça os tipos de pisos

Escolher o melhor tipo de piso entre frio e quente é realmente uma tarefa trabalhosa. Afinal de contas, isso interfere de forma direta no conforto da casa e as opções disponíveis no mercado envolvem muitas particularidades.

Antes de mais nada, é importante detalhar as características de cada um: os pisos quentes, por exemplo, se destacam por conta da pouca troca de calor com o ambiente.

Na prática, o espaço permanece sempre sem grandes variações de temperatura. Os principais materiais para esse tipo de revestimento são madeira, taco, laminado, carpete e vinílico.

Se você é do time que gosta de caminhar descalço em casa, o piso quente representa a melhor opção, pelo sensorial confortável. Ele costuma ser usado em quartos, salas de estar ou outros ambientes 
compactos que pedem um ar mais aconchegante.

Já os pisos frios permitem as variações de temperatura conforme o ambiente. Na maioria dos casos, são mais frios ao toque e excelentes em dias de calor, por trazerem um frescor ao espaço. Entre os materiais mais usados, estão: porcelanato, mármore, pedras, granito, lajota e cerâmica.

Entenda em quais ambientes são indicados

O mais importante para acertar em cheio na decisão do piso frio ou quente é pensar em que tipo de ambiente ele será usado, na decoração geral do espaço e no clima em sua cidade.

Se for um ambiente mais intimista e que peça um ar aconchegante, como o quarto, escolha os pisos quentes. Essa opção também traz um visual muito elegante e harmonioso de maneira geral.
 

Os pisos frios já são mais indicados aos ambientes que precisam de frescor, em uma proposta arejada. No entanto, uma boa dica é optar pelos dois na mesma casa, já que cada cômodo pede um clima diferente. Os frios, por exemplo, são excelentes opções para banheiros, áreas externas e cozinhas.

Saiba quais são as vantagens e desvantagens

A durabilidade e a qualidade do revestimento são definidas conforme o material escolhido. Diante disso, se mostra indispensável pesquisar com bastante antecedência o que mais se encaixa em suas necessidades e combina com a proposta da decoração.

No piso quente, entretanto, a higienização deve ser feita somente com vassouras apropriadas ou aspiradores de pó. Abrasivos, esponjas muito rígidas, aços e água sanitária não são indicados, devido ao risco de danificá-lo. Cera e enceradeiras elétricas também devem ser evitadas ao máximo.

Quando existe a necessidade de uma limpeza mais profunda, o melhor caminho é apostar em detergente neutro e diluí-lo em água. Essas regrinhas valem para todos os tipos de pisos quentes, como cerâmica, porcelana.


Durabilidade

O piso frio de alta qualidade, com as categorias A e B, costuma ser muito durável e extremamente resistente. Quando comparado ao piso de madeira, tem a grande vantagem de não proliferar fungos, ácaros, cupins e outros tipos de bactérias que podem afetar a qualidade de vida da sua família.

Portanto, essa opção é ideal para alérgicos que sofrem com o acúmulo de poeira. Como existe uma verdadeira infinidade de pisos frios que apresentam tamanhos, cores, texturas e formatos diferentes, você tem a oportunidade de criar um projeto decorativo único para seu apartamento, sem deixar a beleza estética e a harmonia visual de lado.

Outro destaque importante é que os pisos frios são muito democráticos. As opções de preço são variadas, com materiais de excelente custo-benefício até as peças consideradas nobres. A escolha, é claro, envolve fatores que ultrapassam os valores de mercado e deve considerar especialmente o uso do ambiente em que será inserido.

Resistência

O piso quente se destaca por benefícios que vão além de tornar o ambiente mais aconchegante e bastante harmonioso. Os materiais feitos para locais com grande circulação de pessoas, como a sala de estar, costumam ser duráveis e resistentes em casos de quebra, riscos e outros tipos de danos que comprometem a estrutura do revestimento. Pensando por essa perspectiva, a opção se torna econômica, já que não será preciso trocá-la em um curto espaço de tempo.

A facilidade de manutenção também chama atenção na hora de tomar a decisão. Um dos principais cuidados, depois de limpar apenas com o pano úmido, como vimos acima, é passar um pano seco para que a umidade não seja absorvida.


No entanto, tenha cuidado na hora de escolher o acabamento do piso frio, já que algumas opções tendem a ser mais escorregadias é sempre um alerta em casa com 
crianças.

Para quem tem animais de estimação, o piso quente em madeira é considerado uma desvantagem, pois as marcas de unha e das patinhas se tornam evidentes em pouco tempo. Mas isso não é uma regra geral: tudo depende do comportamento do bichinho e de quais são as expectativas em relação ao material adquirido.

A melhor decisão entre piso frio e piso quente depende de vários fatores. Por isso, se torna indispensável pensar em todas as possibilidades e escolher algo que se adapte à rotina de sua família.

Só assim será possível encontrar uma opção que seja resistente, traga conforto ao ambiente, fique elegante na decoração e, como a cereja do bolo, seja muito bonita visualmente.

Gostou das informações do artigo? Então, que tal conhecer também sobre outros tipos de piso para tirar todas as dúvidas sobre o assunto? Boa leitura!

Comentários

ANDRÉA RIBEIRO GONÇALVES
ANDRÉA RIBEIRO GONÇALVES disse: 02 julho 2021
gostaria de adquirir piso frio para meu apartamento.
MRV
MRV disse: 06 julho 2021
Olá Andréa, tudo bem?
Você pode encontrar várias soluções de acabamento em nossa página Kit Acabamentos. Temos um mundo de opções para você escolher e transformar o seu apartamento do jeito que você sempre sonhou. Aguardamos o seu contato! 
MRV
MRV disse: 09 julho 2021
Olá Andréa, tudo bem?
Você pode encontrar várias soluções de acabamento em nossa página Kit Acabamentos. Temos um mundo de opções para você escolher e transformar o seu apartamento do jeito que você sempre sonhou. Aguardamos o seu contato!

Deixe seu comentário *Campos de preenchimento obrigatório