Quer manter o ar mais puro dentro de casa?

02 janeiro 2015

O ar que circula nos ambientes internos também pode ser prejudicial à saúde da sua família. Confira as dicas para manter um ambiente saudável.


ar puro

Que tal renovar a qualidade do ar dentro da sua casa? Geralmente só nos preocupamos com a poluição das ruas, mas o ar que circula nos ambientes internos também pode ser prejudicial à saúde da sua família. Agora, uma pesquisa americana, publicada no jornal científico HortTechnology vem chamar a atenção para os níveis de ozônio em locais fechados.


media_http4bpblogspot_hxfdw-scaled860


De acordo com os cientistas, para evitar a concentração desse poluente, considerado um dos mais prejudiciais à qualidade do ar atmosférico, basta ter plantas dentro de casa (ou no escritório). Entre as espécies indicadas como as mais eficientes, estão espada-de-são-jorge (Sanseviera trifasciata), jibóia (Epipremnum aureum) e clorofito (Chlorophytum comosum).


E não é apenas para combater o ozônio que é importante ter plantas dentro de casa. Elas também podem transformar gás carbônico em oxigênio, regulrar a umidade do ar e ainda captar alguns poluentes por meio de suas folhas, raízes e microorganismos.

Algumas espécies também têm finalidades específicas; confira:
·Gérbera, begônia e crisântemo: indicadas contra fumaça de cigarro. Utilizar nas salas e quartos;


·Azaléia e antúrio: combatem poluentes como COVs e amoníacos. São indicadas para cozinhas e banheiros;


·Cactos: combatem ondas eletromagnéticas. A dica é colocá-los próximo ao micro-ondas e aos televisores


·Orquídea-borboleta: indicada para equilibrar a umidade;


·Flor-do-Natal e Lírio: para cômodos pouco ventilados.

Imagem galeria
Imagem galeria

Deixe seu comentário *Campos de preenchimento obrigatório